O Príncipe e a Andorinha – uma história sobre o apego.

principe e andorinha.jpg

Texto de Mafalda Porto

 

Com esta história sobre o papel que o apego exerce em um casamento, queremos refletir sobre os mecanismos dessa ligação que nos causa tanto sofrimento. Ela nos afeta profundamente quando tentamos controlar e dominar o outro, colocando como desculpa o amor.

Qual é a diferença entre amor e apego? Por que nos confundimos? Como o apego influencia negativamente os nossos relacionamentos?

 

“Quando estamos ligados a algo ou a alguém sempre há medo, medo de perder o que temos. Sempre existe essa sensação de insegurança”.
-Jiddu Krishnamurti-

 

O príncipe passava os dias olhando pela janela esperando que algo novo acontecesse. Tinha somente um servo que se encarregava de fazer as compras e manter o castelo limpo. “Que vida aborrecida”, ele suspirava.

Em uma manhã de abril, uma andorinha pousou na sua janela. “Oh, que criatura pequena e delicada”, disse o príncipe. A andorinha o presenteou com uma curta melodia e se foi. Ele ficou maravilhado: o seu canto parecia ser o mais lindo do mundo e a sua plumagem a mais original. Um ser único!

A andorinha retornou

O príncipe aguardava ansiosamente o seu regresso. O dia tão esperado chegou e a andorinha voltou para cantar outra canção. Ele ficou muito feliz e pouco antes da andorinha voar novamente se perguntou: “Será que ela está com frio?

Na terceira vez que o pássaro voltou, o príncipe se preocupou se ela estava com fome. Nos dias seguintes, ele se dedicou a construir uma casa para a andorinha. Ele mandou o seu servo comprar madeiras, pregos e caçar insetos. Finalmente, depois de várias tentativas desajeitadas, exigiu que o servo construísse a casa. “Pássaro maldito”, murmurava o servo.

Colocou dentro da casa os insetos, a água e tecidos de seda para fazer uma cama. Quando a viu pousada no parapeito da janela, aproximou a casa e ficou observando como ela bebia a água e aproveitava a comida que ele havia preparado. “Você gosta destes insetos, minha doce andorinha? Eu os cacei para você”. Com um breve trinado a andorinha pareceu concordar e retomou o seu voo.

O príncipe precisa lidar com a incerteza

A andorinha não voltou e o príncipe foi invadido pela ansiedade. E se ela nunca mais voltar? E se encontrar uma casa melhor? Talvez outros príncipes tenham construído casas melhores e caçado os insetos. Não podia permitir. Não existia uma andorinha igual a essa no mundo!

O príncipe passou dois dias sem dormir e sem pensar em outra coisa, até que decidiu fabricar uma porta com cadeado para a pequena casa. Quando a andorinha voltou e entrou para provar a comida, o príncipe trancou a porta. “Eu te amo, nunca mais lhe faltará água, comida e não sentirá frio”, disse ele.

Um pouco confusa, a andorinha se deixou levar, a princípio pela comodidade. Aproveitava o calor da sua nova casa e tinha comida ao seu alcance, sem precisar farejar entre as plantações para consegui-la.

O príncipe colocou a gaiola na sua mesa de cabeceira para cumprimentar a andorinha todas as manhãs ao acordar. “Você é a minha andorinha, cante uma linda canção para mim”, ele dizia. “Essa vida não é tão ruim”, pensava a andorinha e cantava lindamente. Mas, com o passar do tempo, a sua música foi se apagando, até que ela emudeceu.

A andorinha perdeu o seu canto

– “Você já não canta mais?”- perguntou o príncipe surpreso. “Você me fazia muito feliz quando cantava.

– “Minha canção era inspirada pelo fluir do rio, pelo som do vento nas árvores, pelo reflexo da lua nas rochas das montanhas. Eu era feliz, mas agora nesta gaiola, não encontro motivos para cantar.”

– “Eu faço isso porque te amo” – dizia o príncipe. “É perigoso andar sozinha por aí. E se acontecer um acidente? E se não encontrar comida? E se um caçador atirar em você?”

– “Quem? O que é um caçador?” – questionava ela.

– “Eu cuido de você e a protejo, aqui está a salvo de qualquer perigo.”

Um dia, o príncipe acordou sobressaltado. Foi acariciar a andorinha e a encontrou morta.

Com muita raiva, chamou o seu servo e o despediu, porque certamente um dos insetos que ele caçara a tinha matado. O fato de ter encontrado um culpado não o consolou; se sentia ainda mais sozinho e impotente do que antes da andorinha aparecer. Até que outra andorinha pousou na sua janela e cantou uma canção: a mais linda canção que ele já havia escutado.

O apego exagerado acaba com o amor

Esta história fala sobre como funciona o apego nos relacionamentos de casal e nos mostra como muitas vezes os nossos medos se impõem aos desejos e direitos do outro. Quando tentamos transformar as pessoas, as afastamos da sua essência e da sua felicidade.

Fazemos tudo por elas e, sem nos darmos conta, estamos prejudicando as pessoas.

Diante de uma situação de solidão ou vazio podemos assumir a responsabilidade e sair dessa situação por nós mesmos, ou então responsabilizar o parceiro e estabelecer uma relação de dependência.

O apego pode nos confundir e exagerar as qualidades do ser amado; passamos a acreditar que ele é um ser único e insubstituível. Isto aumenta a nossa ansiedade pelo fato de imaginarmos a sua possível perda. Com a desculpa de proteção ou bem-estar, podemos privar o outro da sua liberdade.

Esta é uma história sobre o apego, mas é também uma história de amor. Amar é aceitar e respeitar a maneira de ser do outro, desejar a sua felicidade antes de pensar nas nossas necessidades. É preciso deixá-lo voar como as andorinhas, caso precise e isso o faça feliz.

 

Texto de Mafalda Porto

Fonte A Mente é Maravilhosa

 

 

Revista Pazes

Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!

 

Anúncios

As Energias de Outubro na visão de Natalia Alba

 

mini flores.jpg
Natalia Alba
28/09/16

Meus amados,

Começamos este novo mês de outubro (outros terminarão o mês de setembro, a depender de onde se vive) com uma maravilhosa e revigorante Lua Nova, a 8 graus de Libra. É com este amoroso signo que a síntese interior começa e passamos da individualidade de Áries para nos lembrar da sensação de ser Um com Todos, compartilhando a partir de nosso coração e ser de ajuda altruísta para todos e não apenas para si, como costumava ser no velho modo.

Neste momento, descansamos na tranquilidade de nossa alma com o Sol e a Lua em Libra, juntamente a Mercúrio em movimento direto, novamente, também passando para o mesmo signo, dentro de alguns dias.

Equilíbrio, calma, após a tempestade, e a expansão interna em novos começos – principalmente para novos e iluminados relacionamentos de toda a espécie – é o que esta Lua em Libra nos promete, visto que temos Júpiter também em Libra, em conjunção com o Sol e a Lua, ajudando a nos expandir em abundância, novas parcerias e experiências que estejam totalmente equilibradas e em perfeita ressonância com a frequência da nossa alma e do nosso verdadeiro caminho.

Fomos desafiados durante este intenso verão (hemisfério norte) para liberar até nos esvaziar de tudo o que não serve mais ao nosso caminho anímico. Isso foi sentido fortemente, também, em nossos corpos físicos, quanto mais tendemos a resistir à mudança, mais os nossos corpos sofrem para liberar e integrar essas frequências mais elevadas que estamos recebendo.

Cada um de nós é único, de modo que vocês podem estar enfrentando dores em sua coluna vertebral e/ou nas pernas, se o que vocês precisam trabalhar está liberando o seu medo para construir bases fortes em sua vida e tornar-se o ser soberano que vocês são na Essência de sua experiência de vida.

Outros, podem sentir dores e ativações em seu chacra laríngeo e no timo, se o que eles precisam é expressar sua verdade. Todos serão impelidos a abrir mão daquilo que os limita e começar a acessar o Novo, por serem abertos para dar e receber com o coração, sem limitação ou medo.

Neste momento, estamos sendo abençoados com novas dádivas, ao virarmos a esquina, porque aqueles dentre nós que não têm medo do desconhecido, que estão dispostos a passar além do nosso eu humano, podem perceber e começar a fazer descer as nossas visões da alma no físico.

É um momento de expansão, recalibração e unificação do que ainda julgamos em nós mesmos e que deve ser acolhido como igual. Muitos dentre vocês estão enfrentando o surgimento de muitos aspectos seus que ficaram ocultos até este momento. Deixem-nos vir à tona, essa nova onda está destinada a trazer tudo o que recusamos admitir para a luz, a fim de ser compreendido e desfeito.

Antes de entrar em profundidade nas energias de outubro – um mês repleto de muitas dádivas e de energias amorosas – gostaria de compartilhar minha experiência como estabilizadora e âncora da Nova Terra, neste momento intenso em que a Terra está se bifurcando de uma matriz de 3D, que finalmente ocorrerá ao longo do próximo ano, 2017.

Conforme vocês sabem, eu não sou linear em minhas publicações, visto que compartilho, do meu jeito singular, tudo o que recebo e considero importante. Eu raramente escrevo acerca de importantes programas “sombrios”, visto que sou orientadas a permanecer concentrada na luz que eu/nós todos somos, embora isso não seja fácil.

Mas, ignorar que as forças opostas existem e que estão agindo com falta de consciência, não vai ajudar, pelo contrário, causará mais confusão. É por isso que decidi compartilhar, dentro do Amor Divino, o que tem sido a minha experiência durante esses últimos meses, caso em que isso possa ajudar os demais, conforme eu considero que compartilhar seja o único meio de discernir e informar o que está realmente acontecendo – principalmente para aqueles que estão começando neste caminho ascensional – que tendem a buscar fora a Verdade, que só pode ser encontrada internamente.

Muitos dentre vocês, como almas sementes estelares, podem também estar sentindo forças sombrias tentando enfraquecê-los e controlá-los, enquanto vocês continuam fazendo o seu trabalho interno de unificação e de integração conscientes.

Às vezes, vocês serão incapazes de discernir se estão desfazendo/unificando as próprias sombras ou se elas fazem parte de um grande ataque. É aí que habitamos em nossa alma, escutando a sua amorosa e sábia orientação para distinguir o que parece real do que é manipulado.

E lembrem-se, nunca estamos sozinhos ou sem esperança, existem os Guardiães, companheiros Estelares e muitos outros seres de luz e amor nos ajudando neste momento importante dentro da Criação, não precisam temer, apenas precisam ser informados.

Não há julgamentos aqui, apenas uma mensagem para estabilizadores, trabalhadores da rede e todos os que ajudam do seu modo exclusivo – principalmente atuando como filtros da enorme negatividade do coletivo – para permanecer centrados em seu coração e em sua compaixão eterna ao Todo, conforme continuamos a nos desvencilhar da velha Terra.

Lembrem-se, amados, eles tentam causar mais separação, por meio de quaisquer métodos possíveis, e deixem-me ser honesta, esta jornada nem sempre é fácil, somos criticados, julgados, tidos como tolos, entre muitas outras coisas, mas o nosso principal objetivo e desejo é encontrar a unidade e propagar a luz onde houver desamor, não nos envolvendo nas opiniões ou táticas negativas dos outros a nosso respeito.

Não é fácil permanecermos equilibrados, enquanto navegamos através de diferentes reinos, que estão sendo atacados pelas enormes forças sombrias para depreciar o trabalho que fazemos, como aqueles que estão enfrentando isso, bem sabem.

Pode ser extremamente desafiador, ou pelo menos tem sido para mim, distinguir entre as próprias experiências de vida e o que está sendo enviado por essas entidades sombrias, sob a forma de códigos negativos da 3D (implantes, pensamentos enviados por imagens e outros métodos).

Todos nós passamos por essas etapas iniciais – à medida que avançávamos em nossa jornada ascensional – confirmando e permanecendo fiéis ao nosso caminho e à orientação que recebemos de nossa alma. Isso faz toda a diferença, com toda a propaganda falsa, que está lá fora para confundir as massas.

Quando comungamos com a nossa alma, lembramo-nos de como a nossa existência é eterna e do verdadeiro propósito dela, podemos ser desafiados, com o sofrimento, enquanto continuamos a fazer o nosso trabalho, mas também temos a alegria que aquilo que todos estamos fazendo como Um traz para o Planeta.

Estamos realmente nos desvencilhando de tudo o que costumávamos ser e saber, como ser capaz de nos alistar em toda uma nova etapa, que devemos entrar totalmente vazios, com um coração aberto que dê boas vindas a tudo e a todos que estão destinados a tocar as nossas vidas internamente nesta nova etapa de nossa experiência.

O cosmos sempre trabalha em harmonia conosco, com Tudo o que existe e já existiu.

Outubro, como a Lua Nova em Libra, também sustenta um número de frequência 1, visto que é um mês universal 10, que reduzido nos dá 10 – 1.

Isso é um lembrete de que estamos terminando um ciclo de 9 anos – ainda oscilando entre ambos os mundos – e é fundamental que terminemos com tudo o que costumava nos limitar, enquanto continuamos nos expandindo nos Novos Reinos que estamos criando.

Estamos ainda imersos em uma enorme transição e, conforme alcançamos a praia, nosso principal objetivo é continuar desfazendo as camadas inferiores, bem como aprendendo como navegar, através de uma passagem que está nos revelando as linhas do tempo possíveis em disponibilidade, e que teremos que escolher em qual realmente desejamos habitar.

O número 1 no tarô é representado pelo Mago. Uma mão apontando para o céu e a outra em direção à Terra. Ele sabe como trabalhar com as Leis Universais, uma vez que dominou a arte de descer para o físico aquilo que foi criado primeiramente no etéreo.

Este é o lugar em que estamos neste momento – antevendo os desejos mais profundos da nossa alma, ao mesmo tempo em que fazemos com que eles desçam para a nossa Nova realidade.

Todos nós somos magos, à medida que todos temos internamente o poder de manifestar os resultados que estão alinhados com a nossa Vontade Mais Elevada, temos apenas que concentrar nossa preciosa energia naquilo que é realmente importante, visto que não é o momento agora para desperdiçá-la em ilusões e em situações passadas, mas nas novas experiências de vida que estamos construindo e que não têm nada a ver com quem costumávamos ser.

Em um nível cósmico, começamos este mês com uma infusão de vitalidade, visto que temos Plutão, o planeta do poder, já em movimento direto, novamente, desde 26 de setembro, e o guerreiro Marte em Capricórnio.

Ambas as forças nos fazem recordar de nosso poder interior e se enquanto ambos estiverem retrógrados nos sentimos com falta de energia e de foco, agora, que os dois estão em movimento direto e em signos poderosos, temos uma oportunidade de alterar, transformar e regenerar a partir de dentro, tudo o que não ressoar mais com quem somos agora.

Marte nos ajuda a direcionar o nosso fogo interno para aquilo que é realmente importante para o nosso caminho anímico, enquanto Plutão nos concede a dádiva de sermos aqueles que transformam as nossas vidas. É uma oportunidade para continuarmos destruindo os velhos mundos e começarmos a trazer à forma os novos, baseados na liberdade e no regozijo que seguir os verdadeiros desejos de nossa alma traz.

Também começamos este mês com Mercúrio entrando em Libra.

Mercúrio em Libra sugere, principalmente após o seu período retrógrado, que é um momento maravilhoso para nos perguntarmos: estamos mantendo relacionamentos equilibrados, com base no amor incondicional e na autenticidade ou se estamos ainda repetindo os velhos padrões, que nos conduzem aos apegos e à dependência?

Estamos nos comunicando desde um lugar de total integridade e liberdade?
Ou estamos com necessidade de obter validação dos outros?

Enquanto estava retrógrado, tomamos tempo para visualizar e observar nosso comportamento nos relacionamentos, visto que sempre é acerca de nós mesmos, nunca acerca das outras pessoas.

Portanto, agora, se vocês percebem que alguns desses velhos padrões estão voltando para a sua vida, é o momento perfeito para curar-se e equilibrar-se com tantos planetas no amoroso signo de Libra.

Em 16 de outubro, temos uma Lua Cheia a 23 graus de Áries.

As Luas Cheias são todas acerca de conclusões, ao contrário, Áries é um signo muito otimista, o primeiro signo do zodíaco, que está ávido para começar novas coisas e mergulhar em novas aventuras, visto que ele ama os desafios físicos.

Isso não é uma contradição, uma vez que conclusões e novos inícios estão sempre interconectados e estamos sendo confirmados do que já experimentamos internamente – uma profunda transformação alquímica interior em que estamos nos transformando novamente a cada momento, deixando de lado os nossos velhos aspectos, velhos relacionamentos… para acolher os mais elevados, porque vimos aqui para integrar a polaridade e ver todas as coisas/ seres/aspectos de nós mesmos como iguais dentro da Criação.

O caminho da unificação não é fácil, mas é essencial para acessar o novo sem julgamentos e o conhecimento interior de que Tudo é sempre Divino por natureza, embora nosso eu humano perceba como sendo “sombrio” ou “inferior”. Tudo serve a um propósito, tudo nos ajuda a lembrar em um mundo de dualidade, que, na verdade, viemos da unidade.

Finalmente, a última parte do mês vai ser regida pela frequência de cura de Escorpião, visto que em 23 de outubro, o Sol entrará nesse signo, juntamente a Mercúrio fazendo o mesmo no dia seguinte, e uma Lua Nova final em Escorpião também!

Somos agora convidados a visitar as profundezas do nosso ser, navegando através de nossa águas interiores, que contêm todas as emoções que precisamos curar e liberar, como acontece com o Sol em Escorpião, é um momento de iluminar aqueles cantos escuros por meio da sabedoria que resgatamos durante todo esse tempo e acolher os aspectos “sombrios” que também fazem parte de quem somos e da Criação – isso que nos torna completos e Um com o Todo.

Uma época para olhar internamente, a fim de receber todas as revelações que esses últimos meses nos trouxeram, uma vez que a última parte deste ano vai nos mostrar aonde estamos indo, o que é de grande importância para mudar a direção, se a linha do tempo que escolhemos não tiver mais ressonância com o nosso verdadeiro destino.

Este mês é calmo no físico, mas não significa que nossos mundos internos não estejam sendo transformados e ajustados a uma nova vibração e até mais, após a intensidade dos eclipses, cujas energias nos acompanharão por pelo menos seis meses.

Tudo é criado a partir do interior e tomar o tempo para deixar que desçam para os nossos domínios internos e trazer todas essas revelações e orientação para o nosso eu físico, é fundamental neste momento.

Já sentimos isso, como o macrocosmo está apenas refletindo nosso microcosmo e vice-versa. Apenas temos que entrar em sintonia com a nossa Essência Divina para estar plenamente conscientes de tudo o que está acontecendo, não lá fora, mas em nossos mundos internos, que revelará tudo o que precisamos conhecer e aceitar neste momento.

A potente Lua Nova a 7 graus de Escorpião no fim do mês, juntamente a Mercúrio já nesse mesmo signo, desde 24 de setembro, é uma perfeita mensagem sincronizada do cosmos para continuarmos trabalhando na integração da alma e começar a criar resultados unificados, que servirão ao bem maior deste inteiro e compassivo estado de ser.

Será uma Lua Nova mágica, intuitiva e apaixonada para sentir o calor da Luz, que todos mantemos internamente e iluminar o nosso mundo externo com ela, trazendo a sabedoria da alma para a nossa jornada e mais clareza, que, como sempre, pode somente vir de dentro.

Toda a autocura e purificação que fazemos neste momento vai afetar o todo e desobstruir o caminho para que recebamos novas visões acerca dos próximos passos de nossa jornada, bem como ajudar o coletivo em sua busca anímica.

Este mês reconfortante convida-os a ter fé em todas as visões internas que vocês receberem e que vão desabrochar no Tempo Divino e para o bem mais elevado de Todos os envolvidos.

O mês de outubro contém muitas dádivas para nos expandirmos no Novo e permitir novos relacionamentos iluminados e cocriativos em nossas vidas. Basta que deixemos de lado o que pensávamos que era para nós e permitir que o Divino nos envie as almas que estejam alinhadas com a nossa frequência. Podemos não sentir isso ainda, mas as nossas almas concordaram previamente com esses encontros há muito tempo.

Render-nos e estar atentos a todos os sinais que este Universo benevolente sempre nos envia – a cada momento – é essencial para darmos boas vindas a todas as bênçãos, que nem sempre podemos ver, devido a nossa visão limitada.

Apenas sejam, deixem que as coisas fluam, em vez de incentivar a tendência humana de controlar as condições. Saibam que vocês são sempre abençoados imensuravelmente e que não importa se veem isso, ou não, em sua realidade, as coisas estão sempre funcionando para nós de todas as maneiras maravilhosas e miraculosas.

Desejo a todos vocês um mês de outubro mágico, amoroso e abundante, amados!

Com amor e luz, sempre

Natalia Alba

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com
Direitos Autorais: Natalia Alba – http://www.starseedsoul.com/
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.com – www.adavai.wordpress.com

Arco do Conhecimento

moça.jpg

Gilmar Marcilio

23 de setembro de 2016

Qual é o melhor tempo para aprender? Na juventude, quando os impulsos devoram os medos e nos empurram para a frente? Ou na velhice, quando a prudência, a grande aliada do bom senso, nos permite fazer as escolhas mais acertadas? É provável que exista um arco do conhecimento, com ascensão, auge e declínio. Os extremos de nossas vidas parecem reservados para tarefas distintas. É fato aceito que a maturidade é a época na qual mais se seleciona e as decisões pensadas nos concedem um grau maior de acertos. Mas talvez não seja sempre assim. Basta reparar no que se passa ao nosso redor para descobrir que aos últimos anos de nossas existências não está reservada a melhor cota de decisões. As razões são múltiplas e entre elas pode-se destacar o fato de que a experiência não é, necessariamente, um valor em si. Quem foi generoso outrora o será mais ainda no fim de seus dias. O egoísmo, da mesma forma, encontrará campo fértil para se espalhar. Além disso, é provável que nossa mente seja capaz de assimilar até um certo limite. Depois disso, será somente repetição. Pense no legado de pintores, filósofos, cientistas. Seus derradeiros anos representaram a depuração do que os moveu anteriormente. As raízes foram plantadas na terra desde há muito. Poucos têm uma iluminação tardia, deitados em sua cama de moribundos. Conseguirão, talvez, fazer aflorar o que esteve armazenado.

Por isso é preciso trabalhar incessantemente. Observar com acuidade, ler como um ato religioso, encontrar os amigos como se cada vez fosse a última. Nutrir-se, sabendo que a fome será nossa companheira constante. Onde está o tédio para quem permanece de olhos abertos? Quando o vento açoita meu corpo ou o sol queima a pele, refreio o ímpeto de reclamar e murmuro para mim mesmo: isso é bom, sinal de que continuo vivo. Aposto na grandeza desta manhã, deste momento. Tenho um gosto renovado por quase tudo que me cerca. Tento ser agradável, acolhendo, reservando os julgamentos para raras ocasiões. Como queremos ser entendidos se agimos em sentido contrário? Não há esgotamento para quem se interessa pela liturgia da alma humana. O ponto mais alto desse arco é o mérito por todo esforço, pelo empenho.

As coisas findam e é preciso avistar esse adeus bem antes que os sinais o digam. Tudo o mais é mecânica, como se os “músculos” do cérebro ficassem cansados e já não respondessem ao que continua pulsando. Refletir, mas permanecendo em ação. Desde cedo, ao alvorecer, quando o céu e a terra parecem se fundir num só.

Triste Morte

 

moça escura.jpg

Fabricio Carpinejar
Você só vê as vítimas da morte. Até acha que ela é infalível. Só visualiza o trabalho feito, os obituários implacáveis, os caixões descendo no chão ou subindo nas paredes, a sua inclemência com todas as faixas etárias.

Mas não enxerga as suas falhas. Não percebe o quanto ela deixa a desejar em termos de aproveitamento.

A morte também é humana e incompetente. Às vezes, se engana de horário. Às vezes, erra a pontaria. Já dormiu em pleno expediente comercial, já fez greve por aumento de salário, já cometeu o vacilo mais bobo e se apaixonou pelas suas presas.

A morte nem sempre acerta. Amarga dúvidas vocacionais e crise de consciência. Fraqueja diante de velho casal que dorme de conchinha e mente para o destino que não encontrou ninguém lá.

A morte não é imbatível como julgamos. Permite aviões com equipamento vencido pousarem, autoriza ônibus com motorista cochilando não cair em curva, salva pedestres desatentos.

Ela sopra vento frio no rosto de suas próximas encomendas para dar chance de se protegerem e mudarem de percurso. Educada, alerta a intuição de cada um antes do fim.

Há mais quase acidentes do que acidentes em seu currículo. Quantas tragédias foram evitadas pelos seus assobios?

A morte é a mais triste das criaturas, nunca é comemorada. Não se dignifica com o trabalho. Não se converte ao bem poupando ninguém. É gerada em nosso nascimento, porém permanece a vida inteira intratável como vilã.

Seus fracassos generosos não são noticiados pelos jornais e terminam desconhecidos. Quem ganha com a omissão é o anjo da guarda, que recebe créditos quando alguém escapa por um fio de uma situação de perigo.

A morte tem seus segredos de amor, sua coragem parece ser a de negar a si mesma. Cansa dos choros, gritos e três batidinhas na madeira, não suporta os arranjos acobreados dos velórios, a comidinha fria e a decoração fúnebre de suas festas.

Certo que também experimenta os seus momentos inspirados e cruéis de guerras, terremotos e chacinas, porém odeia sangue, prefere levar as pessoas dentro do sono, onde pode se misturar à paz das lembranças e conhecer melhor os desejos do falecido. E abomina igualmente o amadorismo de balas perdidas e a crueldade desnecessária do narcotráfico.

A morte nem sempre mata — é a gente que não tem capacidade de provar as suas distrações invisíveis.

Publicado no jornal Zero Hora
Coluna Semanal
27.09.2016

Esta escola substituiu a suspensão por meditação e o resultado foi incrível

 

26/09/2016 –

OUÇA A REPORTAGEM
 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)

Não existe detenção na escola Robert W. Coleman, em Baltimore, nos EUA. Em vez de dar broncas nos alunos ou mandá-los para casa, os professores enviam os alunos mais agitados para uma sala de meditação.

Trata-se de um programa escolar chamado Holistic Me, uma iniciatiava em parceria com a ong Holistic Life Foundation que reúne meditação de atenção plena com profissionais especialistas em comportamento. O resultado foi tão impressionante que, desde que implantou o projeto há dois anos, a escola de Baltimore não realizou uma únicasuspensão.

A ótima estatística da escola é semelhante àquela obtida em uma prisão do Alababa. Em uma entrevista ao jornal The New York Times, o presidente da prisão, Ron Cavanaugh, afirmou que desde que iniciaram um projeto de meditação, os dententos se tornaram aptos a controlar a raiva. A história pode ser vista no documentário The Dhama Brothers, disponível na Netflix.

No dossiê especial sobre meditação, a bióloga do Instituto do Cérebro do Hospital Israelita Albert Einstein Elisa Kozasa afirmou a GALILEU: “Quem medita com regularidade tende a evitar respostas impulsivas”. Veja as fotos do programa escolar.

 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)
 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)
 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)
 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)
 (Foto: Divulgação)(FOTO: DIVULGAÇÃO)

Ensinamentos Abraham 2:

dois narizes de gato.jpg

Gentileza da Glória, do Facebook dela, como praticamente todo material Abraham que estou postando aqui…..Caso queiram conhecê-la:

https://www.facebook.com/gloria.mendes.10?fref=ts

…………………………………………………………………..

Citação da Noite:

Simplesmente faça seu melhor para manter-se em equilíbrio. Uma das primeiras coisas que provoca o desalinhamento da Energia é pedir ou exigir muito de si mesmo em termos de tempo e esforço. Ou seja, você simplesmente não pode queimar a vela em ambas as extremidades, a mesma coisa para quando você está fisicamente cansado e daí esperar que você mesmo tenha uma atitude cuidadosa. Assim, a regra de ouro tem que ser: “eu vou ficar muito, muito, muito feliz e, daí, fazer tudo que eu tiver tempo para fazer depois disso”.

[Abraham]

Do Seminário em West Los Angeles, CA/USA, em 06/Mar/2005
TRD:LL/SP/SP/BR, www.espacocriando.com

……………………………………………………….

Citação da Manhã:

“Aprecie a flor, aprecie o céu, aprecie as rodovias, aprecie o seu gravador, aprecie os amigos, aprecie a comida gostosa que esteja comendo, aprecie suas roupas. Aprecie alguma coisa que está fora de você apenas até que você entre nesta onda de apreciação e então… de vez em quando, escorregue e coloque-se lá como o objeto de apreciação e deixe fluir.
A apreciação é o canal! Ser alguém de quem a apreciação flui, alguém que aprecia é realmente do que você precisa estar atrás. Ser alguém que está atrás de conseguir ser apreciado é atraso, porque isto é quase sempre feito a partir de uma posição de falta.
Mas você poderia dizer que “para começar, no que me diz respeito, eu fico confuso porque isto para o que estou tentando fazer fluir a minha apreciação é algo pelo que estou tentando obter apreciação. E isto como que acaba fazendo uma bagunça em tudo, percebe?”
E nós lhe dizemos que então, torne-se apenas um excelente apreciador.

Fique muito fera nisto até que você comece a notar “Hmm, estou conectado, hmmm, estou conectado, hummm, a energia está fluindo através de mim, e oooh, isto está me dando um baraaato!”.

(Abraham through Esther Hicks) http://www.abraham-hicks.com

trad.portugues: Mônica Monica Grohmann

……………………………………………..

Citação Noturna

Convidado: Eu vejo meu corpo se curando… mas, saio do seminário, tenho minhas dúvidas, começo a sentir dores e vou para meu pote de Aleve (analgésico norte-americano} e digo “Quando vai acontecer…?”

Abraham: Há um pote de PERMISSÃO?

[Risadas da audiência]

Abraham: Pegue um pote antigo de seu Aleve vazio, faça um novo rotulo para ele e escreva nele “PERMISSÃO”. E coloque o pote próximo ao pote do Aleve. E todas as vezes em que tomar um pouco de Aleve, tome um pouco do PERMISSÃO!

[Abraham]

Do Seminário em Los Angeles/USA, em 04/Ago/2007 Enviado para Abe Quotes em 29/Set/2007(a little bottle…)

Tradução: Luciene Lima, Sao Paulo, SP, Brasil

…………………………..

“Da próxima vez que você sentir algum desconforto…pare no meio e diga a si mesmo, “isto que estou sentindo não é nada além da minha própria consciência de que existe resistência. Tempo pra relaxar e respirar. Relaxar e respirar.
Relaxar e respirar.”
E assim em segundos, você se sentirá confortável novamente.”
[Abraham]

…………………………………………………………….

Citação Extra

Você está onde está

Você está onde está. Mas importa onde você está se o fluxo está se movendo em direção ao lugar onde você quer estar? Importa onde você está? Quando você faz as pazes com o onde você está, você se volta para o pró-fluxo facilmente. Quando você não faz as pazes com o onde está, você está contra-fluxo.
[Abraham]

Do seminário em Sedona, AZ/USA, em 25/Ago/2007 – Enviado para AbeQuotes em 11/Abr/2008 – (You Are Where You Are.) – Tradução: Luciene Lima, Sao Paulo, SP, Brasil

…………………………………………………………………

Citação da Manhã

Purificando sua vibração

Se você prestar atenção ao modo como se sente e a partir disto escolher pensamentos que o façam sentir-se o melhor possível, você estará administrando sua própria vibração, e isto quer dizer que você estará no controle do seu ponto de atração, o que significa que você estará criando a sua própria realidade.
É algo maravilhoso quando você compreende que pode criar a sua própria realidade sem meter o bedelho na realidade de ninguém e que quanto menor atenção você dedicar à realidade dos outros, mais pura se tornará a sua vibração – e ainda maior será sua satisfação com o que se manifestará para você.

[Abraham]

Boca Raton, FL – 12/8/01
Trad. Monica Grohmann – 17 oct 2006

………………………………………………………………………………

“Estou aprendendo que todos os problemas se resolvem sozinho.

Quando você tem um problema, um desejo transpira de você e a Fonte recebe e responde a ele imediatamente.
Uma vez que tenha retirado sua atenção do problema, então você permite a solução.
Conceba a pergunta e deixe-a ir – e permita que a resposta flua.”

[Abraham]

*Abraham-Hicks – Trad. de Claudia Giovani*

……………………………………………….

Focalize num pedacinho

“Com relação a qualquer coisa que você esteja querendo: não fique focalizando na falta, lamentando e esperando que o que você quer venha até você. Assim não acontece. Encontre um pedacinho, uma pequena trilha, uma pequena pista – procure por alguma coisa a ver com aquilo e focalize naquele pequeno pedacinho e, pela Lei da Atração, assista aquilo crescer !!!”

Abraham-Hicks – G – 16/02/91 – Tradução de Monica Grohmann

…………………………………………….

Convidado: Nós fomos ensinados que sentimentos antigos, ou sentimentos suprimidos podem se manifestar no corpo como doenças. Bem, o que fazemos com velhas dores ou raivas?

Abraham: A coisa é que coisas antigas não podem afetar seu agora a menos que você esteja pensando sobre isto. Em outras palavras, eram coisas velhas, mas você está pensando sobre elas agora, então agora são coisas novas! São as coisas mais novas, [pois] você agora está pensando sobre isto AGORA.
Seu ponto de poder está em seu agora. E, assim, a qualquer ponto você tem a opção de pensar nas coisas velhas que o machucam ou nas coisas velhas que o alavancam. As coisas do agora que o machucam ou as coisas de agora que o alavancam. Em outras palavras, preste atenção ao modo como você está sentindo.
Há alguns que dizem “Estou cheio de crenças antigas e algumas delas estão me afetando negativamente”. E nós dizemos: é possível; vamos supor que algo muito doloroso aconteceu quando você era [mais] jovem. Você nem mesmo era velho o bastante para ser capaz de colocar [o que aconteceu] em palavras, digamos. Mas aquilo lhe deixou uma marca emocional muito profunda. Você tem carregado aquilo durante os anos de sua experiência usando aquilo como sua desculpa do por que as coisas não estão indo bem agora.
Em outras palavras isto as vezes é o caso. Mas em seu agora, quando você diz “Nada é mais importante do que eu me sentir bem. Quero me conectar com meu Ser Interior, pura energia positiva, e não consigo fazer isto e me foco na falta ao mesmo tempo”. Você só se torna alguém que joga as regras de um jogo maior.
Em outras palavras, alguém nos disse recentemente, “Abraham, é difícil, você sabe…”, ele disse, “…fazer isto que você ensina. Pois nós vivemos num mundo onde há tanta coisa negativa.”. Ele disse: “Sou bombardeado por isto, mesmo em meu ambiente de trabalho.”
Ele disse: “Eu tenho que jogar o jogo deles. Se eu não jogo, então eu me sentirei machucado. Pois se eu não jogo o jogo deles, então eles podem não gostar de mim, ou…”. Ele deu uma lista completa de coisas que podem acontecer sob estas condições e nós dissemos: Apenas junte-se a uma arena maior. Jogue um jogo maior. Jogue as Leis do Universo ao invés de as leis que vem de pessoas que estão desconectadas.
Você sabe que toda lei em seus livros, seja uma lei religiosa ou uma lei secular, sem exceção, veio destes que estão desconectados? Estes que estão se sentindo cuidadosos e vulneráveis. Eles são os que ordenam as leis.
Assim, o que nós estamos dizendo é: simplesmente jogue em um jogo maior. Não deixe nada ser mais importante do que você se sentir bem, e você descobrirá que as coisas que o fizeram se sentir mal não mais virão tanto. Em outras palavras, estas velhas dores, você realmente deixará para trás.

[Abraham]
Do Seminário de 22/Ago/1992-G
Enviado para Abe Hicks Quotes, em 26/Out/2008
(Suppressed Feelings cannot affect you now)
Tradução: Luciene Lima, São Paulo, SP, Brasil

Ensinamentos Abraham 1 –

Gentileza da Glória, do Facebook dela, como praticamente todo material Abraham que estou postando aqui…..Caso queiram conhecê-la:

https://www.facebook.com/gloria.mendes.10?fref=ts

…………………………………………………………………………………………………………………..

mimi branco gorducho na árvore.jpg

RESPIRAÇÃO

Não há nada em relação à sua consciência física que lhe conecte mais ao aspecto Não-Físico de seu Ser do que sua respiração.
Muitos assumem que o processo da respiração tem a ver apenas com sua natureza física, mas não é o caso. O processo de respirar é muito mais que uma função essencial de seu corpo físico. Na verdade, ele é o fluxo do Espírito para você, e através de você. Esta é a razão pela qual, quando cessa o foco do Espírito através de seu corpo físico, sua respiração cessa também. Nossa experiência meditativa induzirá a uma convergência de aspectos benéficos para você, pois quando você relaxa no ritmo natural da respiração perfeita, enquanto escuta estas palavras faladas, a Vibração de seu ser físico gentilmente se renderá à freqüência Vibracional de sua Fonte e você se tornará um com sua Fonte(*), dentro do Vórtice.(**)

(*) FONTE = Criador
(**) VORTICE: é quando vc está centrado em sua própria Luz – é aí que tudo que vc pensa e deseja pode ser criado e manifestado em sua vida.

Através da audição de nossas palavras em seu estado relaxado de permissão, você permitirá que a gentil sintonia de sua frequência Vibracional se compatibilize com a frequência de sua Fonte.

Este não será um exercício de esforço, ou de tentativa, mas, ao contrario, um exercício de liberação e permissão…permitindo-se gentilmente ser quem você-realmente-é.

 

[Abraham]

Do livro ‘Entrando no Vórtice, Meditações Orientadas’, dos Abraham –#272Publicado em www.abraham-hicks.com em 29/Nov/2011
Tradução: Luciene Lima, São Paulo, SP, Brasil

……………………………………………………………………………………..

Citação da Noite

“Gostaríamos que você chegasse ao estado onde não esteja disposto a escutar pessoas criticando umas às outras…onde você não tire satisfação de alguém que esteja errado…

… onde importe tanto a você que você se sinta bem, que você apenas esteja disposto a pensar coisas positivas sobre as pessoas…

… você só está disposto a procurar aspectos positivos; você só está disposto a procurar por soluções, e você não está disposto a se debater com todos os problemas do mundo.”

[Abraham]

 

Do Seminário em Cincinnati, OH/USA, em 22/Seet/2004
Enviado para Tao of Abraham em 06/Out/2007
(Take no satisfaction from somebody being wrong)
Tradução: Luciene Lima, Sao Paulo, SP, Brasil

…………………………………………………………………………………………………………………..Citação da Noite

Quando as pessoas nos perguntam quanto tempo levará para uma coisa que queremos se manifestar, nós respondemos:

“Levará o mesmo tempo que você levar para liberar a RESISTÊNCIA. Pode levar 30 anos, pode levar 40 anos, pode levar 50 anos, pode levar uma semana. Pode acontecer amanhã de tarde.

 

Cleveland, OH – 7/11/00

Trad. Monica Grohmann

…………………………………………………………………………………………………………

Citação da Manhã:

Sua tarefa individual é manter a si mesmo, a si mesmo, em alinhamento vibracional com seus próprios desejos. Sua tarefa não é dar conta daquilo que os outros estejam pensando. Não é chegar a entender o que todos entendem. Não é misturar os seus desejos ou crenças com as de ninguém.

 

Abraham-Hicks – G 9/1/04 Albuquerque, NM –
trad. Monica Grohmann

………………………………………………………………………………………………………….

Mude Sua Vida em 30 dias – Caderno de Exercícios (12/30):
Citação da Noite:

Quanto maior a sintonia vibracional com quem você realmente é, mais você está permitindo apenas o que está desejando, e menor resistência há. E quanto menos resistência há, então menos demora entre a ideia do pensamento e a recepção dela.

 

[Abraham]

Do Seminário em TAllahassee, FL/USA, em 01/Dez/2000
TRD:LL/SP/SP/BR, www.espacocriando.com

………………………………………………………………………………………………………………

Mude Sua Vida em 30 Dias – Caderno de Exercícios (12/30):
Citação da Manhã

Nós gostaríamos de compartilhar com vocês este brilhante conhecimento que possuímos:
Você está a apenas algumas risadas do ponto de permitir que um monte de coisa boa entre.
Está apenas a uns poucos beijos do ponto de permitir que um monte de coisa boa entre.
Você está a apenas um pouquinho de alivio do ponto de deixar que toda a coisa boa entre.

[Abraham]

 

From the Quarterly Journal Oct/Nov/Dec 2005
From the recording G-3-5-05
North Los Angeles, CA

Tradução Monica Grohmann.

………………………………………………………………………………………………………….

Mude Sua Vida: Relaxar e Permitir!
(Uma citação para ler todos os dias da vida!)

Permaneça o mais feliz e apreciativo que puder e então a sua Fonte de Energia se colocará a favor de sua maior expansão, sempre e infalivelmente chamando-o nesta direção. Quando você mesmo que minimamente se coloca nesta direção, sentirá o alívio que sempre vem de estar indo com o fluxo.

Não há nada que você deva supostamente fazer e nada que supostamente deveria ter feito. Não há nada que você precisaria ter feito e que então agora deva encontrar um meio de fazer.

Você é o criador de sua experiência e o que quer que você esteja escolhendo, o que quer que você esteja selecionando em sua pauta de vibracional é apreciado por esta consciência que é Abraham.

O nosso desejo é que você apenas tente um pouquinho mais, sentir-se apenas um pouquinho melhor a respeito de tudo aquilo em que você coloque a sua atenção. E que você compreenda que não há nada assim tão sério se passando aqui. Nada está errado e não há nada desequilibrado ou estragado que precise ser consertado que valha a angústia e a preocupação que você aplicaria.

De algum modo você acabou acreditando que o seu valor está em questão, e nós te dizemos que não está. De algum modo você acabou acreditando que há alguma coisa que deve fazer para então poder ganhar alguma coisa e nada disto é verdade. Vocês são seres puramente positivos e abençoados, no comando de sua vida, intencionando experimentar a expansão do Universo… e dirigir aquele Rojão de Desejo, assim como faz a Fonte dentro de você.

Deste modo relaxe a respeito de tudo. Procure por mais razões para se sentir bem. Faça listas de coisas que o façam sentir-se bem. E qualquer coisa que o faça sentir-se mal, não assinale, e fale o mínimo possível a respeito daquilo.
Procure por aspectos positivos sempre que possível e não julgue seus aspectos positivos de acordo com os da lista de ninguém.

Não compare o modo como se sente com o de ninguém. Compare como se sente somente com como se sentiu. “Eu senti e agora, eu sinto… Eu senti e agora, eu sinto… Eu senti e agora eu sinto…”. “Ah! Você quer me contar como você se sente?”. “ É irrelevante,” diga a eles. “ Como você sente é irrelevante. Como eu senti e como eu sinto.. Como eu senti e como eu sinto… como e senti e como eu sinto.” E antes que você se dê conta, você estará remando a favor da corrente…..
( alcançando pensamentos que trazem melhor sentimentos, por relaxar e permitir) e todas aquelas coisas mágicas e maravilhosas que estiveram esperando por você, selecionadas por compatibilidade vibracional, em alguns casos por um longo tempo, abrirão o seu caminho e se manifestarão em sua experiência.

 

Abraham – San Francisco B – 2.24.07

All quotes are copyright Abraham-Hicks Publications.
Visit the official Abraham site at: www.abraham-hicks.com/
Abraham-Hicks Publications P.O. Box 690070 San Antonio, TX 78269

Tradução Monica Grohmann

………………………………………………………………………………………………………………….

Mude Sua Vida em 30 dias – Caderno de Exercícios (11/30)
Citação Extra!!!

Viver perfeitamente a vida, sob nossa perspectiva, é tornar-se ciente e atento a como eu me sinto. De modo que saberei se estou remando contra ou a favor da corrente.
Esta é A melhor definição em que podemos pensar do que seria viver plenamente.
Se você disser, “Estou aqui onde estou. E vim fazendo o que vim fazendo. E o que se manifestou se manifestou – mas ainda sou alguém que ativamente faz a energia fluir e escolho isto – e ainda sou alguém que ativamente faz a energia fluir e escolho isto.” Então, sua vida será boa agora neste momento e se tornará melhor e melhor e melhor e melhor e melhor.
Se em primeira e última instância você se focalizar no modo como se sente e deliberadamente escolher aquilo que te leve a sentir-se melhor, não apenas tudo aquilo que você andou pedindo começará a se manifestar em sua experiência, mas também você vai começar a se divertir pra valer, e até mesmo antes de que a manifestação ocorra.
E esta é realmente a direção na qual nos interessa guiá-los. É bárbaro ter o seu amado finalmente chegando, é bárbaro viver na casa dos teus sonhos, e é bárbaro enfim sair para aquela viagem que você veio tanto planejando….nós não estamos tentando dissuadi-lo da delícia de suas manifestações, apenas queremos que você faça uma decisão de que AGORA, neste instante, você pode permitir, um bem estar ainda maior, através do poder de sua mente.
E uma vez que você aceite esta tarefa e uma vez que você aceite que você é o guardião deste portão , e uma vez que você comece deliberadamente a procurar manter a corrente fluindo, e uma vez que você se dê a licença de relaxar por um pouquinho que seja e simplesmente deixar estar, e uma vez que você pare de ficar tentando controlar condições que são resultantes de energia que já fluiu antes … em outras palavras, uma vez que você esteja tentando controlar uma condição, saiba que ” o que quer que possa fazer” será muito pouco e muito tarde.
Não perca tempo tentando controlar condições. Para controlar condições: controle condições futuras fazendo a sua energia fluir, isto é o que nós faríamos.
Tudo está bem, a terra está girando, as condições climáticas estão acontecendo, a gravidade está funcionando, a lei da atração está funcionando.
Sua agenda vibracional está cheia de possibilidades e coisas maravilhosas… deixe pra lá tudo aquilo pelo que você não pode fazer alguma coisa – o que significa quase tudo – largue mão de tudo e permita que seja a sua vida, em seu transcorrer natural, que o leve a fazer os seus pedidos, e então aplique-se cem por cento em certificar-se de que você esteja remando a favor da corrente.
E assim, é nossa promessa a você, você viverá feliz para sempre.
E você será uma luz para cada um que cruzar o seu caminho, e você irá se encontrar com aqueles que estarão mais que prontos para ouvir a sua estória.

E qual será a sua estória?

“A vida é boa, a vida é pra ser divertida. E nos promete bem estar e tudo que eu quiser está ali ao alcance, vindo no fluxo.
E nada que eu queira é difícil ou demanda que eu precise remar contra a corrente. E quando me sinto bem estou em alinhamento com quem EU sou, e quando estou alinhado com quem EU sou, estou vivendo a plenitude de QUEM EU SOU agora, neste instante.
Estou cumprindo a maior das promessas que me foram feitas.
Estou permitindo-ME ser EU MESMO.”

Abraham – Albuquerque, NM 8.29.96B

Tradução Monica Grohmann