Tornar-se Canais do Amor Divino – Lua Nova em Câncer 23 e 24 de junho de 2017

tornar-se.jpg

TORNAR-SE CANAIS DO AMOR DIVINO
LUA NOVA EM CÂNCER, 23/24 DE JUNHO 2017
Por Natalia Alba

Por meio da meditação intensa e profunda, vocês alcançam um estado que está além do pensamento, além da mudança, além da imaginação, além das diferenças e da dualidade. Uma vez que possam permanecer nesse estado, por um momento, e sem sair dele sem perder nada, então, o amor divino interior começará a emanar por seu intermédio. Vocês não verão as pessoas como indivíduos diferentes e separados. Vocês verão o próprio Self em todos que o cercam. Daí, o fluxo do amor interno será constante e ininterrupto. ~ Swami Muktananda.

Meus amados,

Este é o começo, assim como o fim, de uma passagem muito intensa que ajudará a nos ancorar em nossa jornada transicional para uma oitava de dimensão superior. É com esta Lua Nova em Câncer que também encerramos um antigo microciclo, ao mesmo tempo em que começamos a navegar através de uma onda mais elevada, experimentando uma profunda mudança de frequência, que começará com a chegada do solstício e que vai durar todo esse período de verão, principalmente durante o eclipse que enfrentaremos em agosto.

Durante o verão (hemisfério norte), o nosso Planeta se encontrará recebendo uma infusão cósmica de frequências oriunda dos reinos superiores de iluminação, que nos ajudarão a fazer as mudanças necessárias em nossos corpos físicos, exigidas para descartar o que não vai servir ao nosso Novo Caminho. Antes da intensidade que nos aguarda, nos meses seguintes, temos uma acolhedora e amorosa Lua Nova em Câncer para iluminar nosso caminho para uma forma mais elevada de amor e autocura.

Câncer – a Mãe, um dos signos mais intuitivos de todo o zodíaco, que vive nos reinos das emoções e de uma forma mais elevada de amor – representa o princípio feminino da criação, o nosso aspecto feminino que dá à luz, cura e acolhe tudo o que toca. Um cuidador e curador naturais e que é responsável por criar as nossas visões interiores. Como Câncer é um signo acolhedor por excelência, está relacionado às nossas partes físicas que alimentam e protegem.

É por isso que, na Lua Nova, quaisquer problemas desconfortáveis das mamas ou do estômago, porque as emoções são processadas em nossa região digestiva, vão lhes mostrar onde vocês precisam se nutrir mais, visto que estão alimentando temores humanos, e esse é o modo de o seu corpo expressar-se.

Como o Sol também estará muito ativo, haverá sensações de exaustão e drenagem, principalmente para aqueles que estão fazendo o trabalho interno da reconexão do DNA. Não se pressionem para integrar mais, para alcançar um estado de ser mais elevado. Vocês sempre são tudo o que precisam ser e exatamente onde precisam estar.

Além disso, neste momento de nossa jornada ascensional, muitos encontram-se habitando entre a luz e a escuridão, porque, conforme continuamos nos separando da velha Terra tridimensional, teremos que escolher se desejamos agir sempre com o amor divino ou se podemos deixar que os nossos temores humanos nos controlem.

Sabe-se, desde muito tempo, que há uma guerra entre as forças sombrias que ainda habitam o medo e as almas que estão ajudando a recuperar o amor e um modo de vida mais elevado, que é a nossa natureza divina.

É durante esse período de separação que os estabilizadores, as Âncoras da Nova Terra, os Guardiães do Portal, dentre muitos outros papéis preciosos na Criação, encontram-se fortalecendo a ponte com a Nova Era, para as almas que estão conscientemente escolhendo acessá-la.

Todos nós fazemos isso de muitas maneiras – como seres multidimensionais que somos – enquanto estamos trabalhando conscientemente no astral, quando estamos despertos, por ancorar nossa frequência amorosa na Terra, e enquanto estamos concentrados em todos os momentos em nosso coração, sentindo, pensando e agindo, sempre, a partir desse espaço compassivo.

No período da Lua Nova, temos o Sol, a Lua, Mercúrio e Vênus em Câncer, juntamente a Netuno e Quíron em Peixes, também um signo de água. Por outro lado, temos uma quadratura em T ocorrendo entre Marte em Câncer, e Júpiter em Libra, e em oposição a Plutão em Capricórnio.

Isso será para nos desafiar a perceber onde vemos tudo no amor divino ou onde ainda julgamos e promovemos o medo, que ainda é um resíduo que deve ser purificado, porque nos impede de ver – com clareza – que na verdade, tudo sempre é o amor encarnado em um domínio denso, tendo a própria experiência para se lembrar da pureza e da Fonte amorosa de onde todos nos originamos.

Temos também Netuno, o planeta da ilusão e da intuição, retrógrado, desde 16 de junho até 22 de novembro, em Peixes. Conforme Netuno se alinhar com a Lua, vamos ficar ainda mais sensíveis a essas frequências etéreas. A magia, a criatividade e uma compreensão superior da realidade vêm com as energias netunianas, porque é aí que comungamos com nosso subconsciente – fazendo descer todas as criações que as nossas almas desejam trazer para o tangível.

Todavia, visto que vivemos em uma realidade dual, Netuno e ainda mais perto da Lua, traz ilusão, se nos concentrarmos e polarizarmos em um determinado estado de ser. É com Netuno que dominamos nossas partes que ainda estão dependentes de alguém ou de determinadas substâncias.

É com esse planeta que habitamos, por enquanto, nas profundezas do nosso ser, e começamos a curar nossos medos e feridas ocultos, compreendendo que nossas sombras são preciosas e que fazem parte da luz, porque nos dão a oportunidade de amar a todos que são igualmente partes do divino.

Sob a minha perspectiva, e como uma pisciana, tendo Netuno, que me ajudou tremendamente a trazer à tona todo o meu eu humano negado. É uma grande oportunidade observar a que coisas ou a quem vocês cedem o seu poder.

Vocês o cedem a algum vício, porque lhes permite escapar da realidade, assim como amainar a sua dor? A uma determinada pessoa, dando-lhe o poder de fazê-los felizes ou não? Se assim for, apenas o amor compassivo vai lhes mostrar a luz que vocês são, porque vocês precisam se lembrar, mais uma vez, da magnificência de quem são, assim como da importância da sua Presença aqui.

Netuno vem ajudá-los a dominar o seu eu humano, não os castigar. Sua frequência é sempre amorosa, que podemos polarizar, mas se nos tornarmos testemunhas, será o catalisador cósmico que nos ajudará a dominar os nossos aspectos que ainda habitam no sofrimento, na ilusão e acima de tudo no medo.

Esta é de fato uma Lua poderosa e que cura, porque nos oferece a oportunidade de mergulharmos profundamente em nossos sentimentos ocultos e feridas egoicas, e trazê-los à superfície, compreendendo que nunca se referiram ao que os outros nos fizeram, mas ao que nos fizemos, em nossa falta de consciência e nossa visão egoica da realidade.

Requer tempo, trabalho interno e dedicação/intenção consciente para que nos separemos completamente de nosso eu humano e nos tornemos testemunhas, a fim de perceber claramente o que está nos impedindo de ver aquilo que ainda não somos capazes de confrontar e de curar.

O caminho para a transformação pessoal e a ascensão não é fácil, porque temos que, primeiramente, nos conscientizar dos muitos mecanismos que nos fazem crer que não somos merecedores, amados, ou, pelo contrário, superiores ou mais ascensionados do que os outros.

Neste caminho da integração consciente, nossa alma nos apresentará os desafios necessários para que cresçamos, ao desencadear internamente os aspectos que ainda não estão unificados. De fato, requer autodisciplina e força para poder acolher nosso lado sombrio e, mesmo se estivermos imersos profundamente nele, sermos capazes de ver a luz e o amor que igualmente aí residem.

É com essa Lua Nova em Câncer que seremos capazes de interromper todos os ruídos humanos, nos comungar com a nossa alma e nos perguntar se estamos vendo o amor e a alegria do Criador em Todas as nossas atuais experiências de vida, quer as rotulemos como sendo boas, quer más, ou se ainda culpamos as outras pessoas, julgando, deixando de amar a todos igualmente.

Lembrem-se, amados, ninguém fez nada para vocês, e assumir a responsabilidade por tudo o que acontece em sua jornada humana única é uma das coisas mais importantes que aprendemos, às vezes, o modo difícil, no nosso caminho evolutivo consciente.

Outro aspecto importante dessa Lua canceriana é que o Sol e a Lua fazem conjunção com Mercúrio. Com o Sol conjunto a Mercúrio, temos uma dádiva cósmica para estabelecer uma forma superior de comunicação com os reinos mais elevados, que, novamente, habita em nós mesmos.

Essa é uma oportunidade para nos comunicar com a nossa alma/Eu Unificado e começar a escutar a Verdade que o nosso ego humano nega. Contudo, o Sol em conjunção com a Lua pode trazer memórias passadas, que ainda não foram compreendidas e liberadas, principalmente relacionadas com a nossa família e relacionamentos passados.

Essa Lua traz grandes oportunidades e encontros de alma predestinados, mas que primeiro precisam ser purificados de tudo o que o nosso eu humano se apega. Se vocês ainda estão querendo saber por que um relacionamento passado não funcionou, se voltará ou por que não estão em uma parceria em que gostariam de estar, talvez, seja o momento de verem qual é o relacionamento que vocês primeiramente mantêm consigo mesmos.

Acolham-se, habitem internamente, e, a partir de um espaço amoroso, conversem com a sua criança interior, como o seu eu real, e tragam perdão e compreensão àquilo que vocês estão na ilusão de pensar que os feriram no passado. Tragam compaixão e perdão para todos, e comecem a trilhar um caminho de pureza e interação consciente em relação a si mesmos e a todos que cruzarem o seu caminho.

Essa Lua Nova traz uma luz acolhedora, reveladora e que cura todos os que estão prontos para abraçar os seus verdadeiros sentimentos e lados sombrios, sem os temores humanos, e começar a funcionar como seres unificados de amor e luz. Não é nenhuma novidade que os humanos vivem com medo, como espécie manipulada e programada desde éons, esse tem sido nosso principal mecanismo de defesa egoico.

Há muitos seres que se encontram ascendendo para a libertação desse medo primário e ilusório, mas a verdade é que todos nós ainda temos medo de muitas coisas, e dentre elas, do nosso potencial divino, porque agora estamos apenas começando a despertar e perceber do que somos realmente feitos e do que somos capazes.

Para poder agir como seres soberanos conscientes de nosso verdadeiro poder, em primeiro lugar, devemos incorporar a humildade e aceitar tudo o que fizemos, com infinito amor em relação a nós mesmos.

Não podemos seguir um caminho de unidade, enquanto nos rotularmos e nos separarmos dos demais. Não podemos desejar o relacionamento perfeito, se, em primeiro lugar, não conseguimos nos acolher por completo. Nunca podemos ter o que não somos. Chegou a hora de nos reconectarmos ao nosso eu ferido e curar os aspectos dele que ainda estão imersos no medo.

É o momento de vocês permanecerem altivos e seguros em sua verdade, e no que vocês têm para compartilhar da sua maneira exclusiva, porque isso não se refere a vocês, isso é egoico, mas diz respeito à ajuda que os outros receberão de vocês, quando vocês decidirem ver o seu verdadeiro potencial divino, incorporar sua missão de alma e compartilhar a sua luz única. Porque isso trará cura profunda, não apenas para vocês, mas para Todos.

Estamos os aguardando, eu sei que muitas almas desejam compartilhar a sua preciosa orientação, mas têm medo de fazê-lo. Eu os conheço, eu sempre os conheci, eu sei que vocês têm dúvidas acerca de quem vocês são e de seus dons anímicos, mas, finalmente, é o momento de acolher a jornada superior em que vocês podem deixar muitas coisas/relacionamentos de lado, mas apenas começar acolhendo os autênticos, que são destinados a tocar a sua vida neste momento de transição, na Criação.

Vocês vieram aqui para serem vistos, apreciados e amados, vocês não vieram aqui para se esconder sob as sombras egoicas e os sentimentos de desmerecimento que elas provocam. Sintam o amor de quem vocês são, sintam a necessidade e o apreço de Todos por vocês. Compartilhem a singularidade do Divino Encarnado por seu intermédio.

Feliz solstício e feliz Lua Nova, amados companheiros!

Com amor por todos vocês devido ao que são e pelo que fazem.

Natália Alba

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com
Direitos Autorais: Natalia Alba – http://www.starseedsoul.com/
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.com – www.adavai.wordpress.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s