Mais Pérolas de Sri Prem Baba até setembro 2017

prem-baba

“A criança chega nesse mundo livre e espontânea, manifestando as fragrâncias do Ser que ela é, entre elas a confiança. Ela pega na mão do pai ou da mãe e vai, sem saber para onde está sendo levada. Ela pode ser ela mesma pois ainda não foi contaminada pela vergonha e pelo medo.”

……………………………….

“Uma forma simples de conectar-se com o propósito da sua alma é lembrar o que você queria ser quando criança. O que você queria ser quando crescesse? Essa lembrança te dará um indício. E hoje, se você não tivesse que ganhar dinheiro ou agradar alguém, o que você faria? Essa resposta é outra pista.”

……………………………………

“O silêncio se tornou o bem mais precioso e raro no nosso mundo, especialmente nos grandes centros. Para encontrar um lugar silencioso precisamos pagar caro por isso.”

……………………………………

“As redes sociais e tecnologia como um todo têm um potencial gigantesco de fazer o bem. Elas podem ser aliadas para criarmos uma cultura de paz. Porém, infelizmente não tem sido assim. Ao invés de gerar união, as redes têm gerado separação e isolamento. Precisamos rever a maneira de usar essas ferramentas.”

………………………………

“É curioso: todo ser humano quer ter paz no coração, mas não sabe como. Somos levados a acreditar que o dinheiro trará paz e felicidade, mas para acumular esse dinheiro machucamos o outro, roubamos e criamos desordem na sociedade.”

……………………………….

“A inconsciência em relação ao propósito tem consequências: ansiedade, tristeza, desencaixe, desanimo, depressão… E o ser humano encontra-se em um profundo estado de esquecimento do propósito maior. Por isso a depressão é a doença do século. Os remédios antidepressivos estão na lista dos mais vendidos justamente por causa desse esquecimento; por causa da ignorância em relação ao propósito da vida.”

………………………………….

“Os seres humanos estão cada vez menos inspirados a se vincular. Isso ocorre por diversas razões, mas essa tendência faz parte da desconstrução desse modelo de sociedade falido no qual vivemos. Tudo está sendo ressignificado, até mesmo a forma de nos relacionarmos.”

…………………………………

“Eu sinto que somente uma grande reforma na educação poderá melhorar a situação da nossa sociedade. Mas essa reforma precisa começar agora, com a reeducação dos adultos – pais e professores.”

…………………………………..

“A educação é fundamental na formação da personalidade e no processo de expansão da consciência do ser humano, porém, ela pode facilitar ou dificultar esse processo. E para que ela possa ser uma facilitadora, ela precisa trazer autoconhecimento.”

………………………………………

“Na medida em que nos conhecemos, vamos nos libertando de nossas crenças limitantes e nos tornamos capazes de apoiar o desenvolvimento sustentável da personalidade infantil, o que implica em não projetar nossas misérias nas crianças e dar força para que elas possam revelar sua visão e sabedoria para o mundo.”

………………………………………….

“A mais importante ferramenta no processo do desvendar do propósito interno é o autoconhecimento. Não é possível descobrir o seu propósito sem mergulhar fundo em si mesmo. Inevitavelmente você precisará navegar no oceano interior.”

……………………………………………..

“Quando pode transformar as suas ações em uma prática de serviço desinteressado, você se torna um elo na cadeia de felicidade: a felicidade passa por você para chegar ao outro. Se você tenta reter a felicidade somente para si, inevitavelmente ela se transforma em sofrimento. Não é possível reter a felicidade somente para si, até porque ela é o destino de todo ser humano.”

……………………………………………..

“O primeiro passo para identificar as crenças que limitam na vida é tomar consciência daquilo que te incomoda, mesmo que, num primeiro momento, você esteja acusando o outro. O que te perturba? É um comportamento? É porque o outro te rejeita? Pode ser verdade ou pode ser mentira – não questione isso – apenas identifique o que te tira do seu centro. O segundo passo é voltar-se para dentro e ver quem em você está provocando essa situação e por que. E o terceiro passo é reeducar esse eu psicológico que insiste em sabotar a sua felicidade.”

…………………………………………………

“Uma das crenças mais enraizadas no ser humano é a de que o outro é culpado pela sua infelicidade. Enquanto não perceber que é você quem gera sua própria perturbação, não será possível fazer nada a respeito. Quando não assume responsabilidade por aquilo que acontece, você coloca sua vida na mão do outro.”

…………………………………………………..

“Muitas vezes é mais fácil acusar o outro pela sua infelicidade porque assim você encontra desculpas para continuar não fazendo nada a respeito. A crença de que a felicidade depende do outro é justamente o que te impede de ser feliz. Questione essa falsa crença: será mesmo que só consigo ser feliz se o outro estiver agindo da maneira que eu espero? Provoque a autorresponsabilidade.”

……………………………………………………

“A felicidade se tornou refém do nosso sistema de crenças. Acreditamos que precisamos ser tratados de determinada maneira para sermos felizes. Mas assim como as crenças foram criadas, elas podem ser desfeitas, pois elas são feitas de pensamentos. Em última análise, somos reféns dos pensamentos.”

…………………………………………………….

“Ao agir a partir do silêncio, você evita a ativação dos karmas que te mantém preso à escuridão. E você se move em direção a esse silêncio interior de duas maneiras: através do cultivo do silêncio, por períodos curtos de tempo no seu dia, e através da renúncia da maledicência, que é o uso distorcido da palavra. É quando você usa o poder da palavra para gerar dúvida, desconfiança e desamor no outro e acaba desviando-o do seu caminho.”

…………………………………………………….

“Estamos vivendo uma grande transição, um período de resgate e de colheita. Estamos colhendo aquilo que plantamos no passado. Esse é o significado mais profundo daquilo que no oriente é chamado de karma: uma lei da natureza que determina basicamente que é preciso lidar com as consequências das nossas ações.”

………………………………………….

“Somos co-criadores de absolutamente tudo o que acontece em nossas vidas. Se olharmos com os olhos do espírito, veremos que até mesmo os crimes que sofremos são tramas karmicas; são jogos divinos. A vítima sempre está dos dois lados da arma. Você sempre está onde precisa estar para dar conta do seu karma e aprender o que precisa ser aprendido.”

…………………………………..

“O amor é a senha de acesso às dimensões celestiais. Na medida em que vai expandindo sua consciência, você vai tendo acesso a essas dimensões ou quadrantes da consciência que até então estavam fechados para você. Você vai expandindo até que se reconhece como o Ser que está além do corpo e da mente. Então você tem acesso às iniciações maiores da vida e se transforma num curador que trabalha para o despertar planetário.”

……………………………………..

“As crises em todos os setores da sociedade indicam que algo precisa ser transformado. Estamos sendo chamados a dar um passo no processo evolutivo da consciência. Esse passo implica em assumir responsabilidade pelos nossos próprios erros, pela nossa ignorância, assim como perdoar os erros dos outros. Somente dessa forma acordaremos o amor adormecido em nós e nos libertaremos do sofrimento generalizado no qual a raça humana se encontra.”

……………………………………..

“Estamos dentro de um turbilhão de transformação no qual precisamos dar conta dos reflexos dos nossos atos do passado. Ainda hoje, com todo o conhecimento disponível, o ser humano é canal da bestialidade. Até pouco tempo atrás, o abuso do poder se manifestava severamente na forma do imperialismo, da escravidão e de tantas outras distorções do masculino. Não há como fugir do karma: enquanto não aprendermos o que precisamos aprender, sofreremos as consequências.”

………………………………………..

“Temos falhado na difícil arte de nos relacionarmos. Temos falhado em amar uns aos outros. Isso equivale a dizer que não estamos cumprindo a nossa missão aqui na Terra; o propósito maior de estarmos encarnados aqui.”

…………………………………….

“Estamos trabalhando para acordar a lembrança de nós mesmos. Partimos do princípio de que nem tudo que acreditamos é verdade, pois temos visto que o nosso sistema de crenças tem gerado muito sofrimento. Em síntese, buscamos por liberdade –  liberdade de ser quem somos. E desconhecemos quem somos por conta das crenças a respeito da nossa identidade. Esse é o núcleo central do conflito humano, que se manifesta mais objetivamente em relações destrutivas.”

………………………………………

 

 

 

 

 

Anúncios

Integração do masculino e feminino

A imagem pode conter: 1 pessoa

INTEGRAÇÃO DO MASCULINO E FEMININO 💖🌟

“O feminino é a aceitação, é receptividade. Quando distorcido se transforma em submissão.

O masculino é ação, realização. Quando distorcido se transforma em violência, em destruição.

O ato de plantar uma semente é masculino, e o tempo de espera para a semente germinar é feminino.

Esses são princípios universais que se manifestam até um determinado estágio do universo.

Isso se manifesta também dentro de cada ser humano em diversos níveis O desequilíbrio que nós estamos vivendo hoje na natureza revela que nós estamos maltratando severamente o feminino.

A poluição das águas, o desmatamento, o excesso de consumo, o lixo que produzimos; tudo isso são desrespeitos em relação ao feminino.

Meu mestre certa vez disse: “Quer saber como está uma sociedade? Avalie como ela se relaciona com a mãe”. Porque o externo é um reflexo do interno.

Isso que nós estamos vendo acontecer com o meio ambiente é um reflexo de como estamos tratando o feminino aqui dentro de nós e o feminino que está aqui do nosso lado.

Como é que você está em relação ao feminino?

Como você está em relação a sua mãe?

Como é que você está em relação à mulher que está ao seu lado?

Como é que você está em relação à mulher que está dentro de você?

Como é que você está em relação à aceitação? À receptividade? À doçura? Ao acolhimento?”

~ Sri Prem Baba ~

Vítima, não.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, árvore, grama, atividades ao ar livre e natureza

“Somente é possível evoluir através da autorresponsabilidade, ou seja, quando você compreende que está onde se coloca, por mais que o mundo esteja provando que você é uma vitima.
Ao compreender que cria as próprias dificuldades na vida, você está começando a amadurecer, e a sua consciência começa a expandir para estados mais elevados.”
~ Sri Prem Baba

Controle

A imagem pode conter: nuvem, céu, atividades ao ar livre e natureza

“A raça humana está experienciando uma profunda mudança e, muitas vezes, é difícil saber o que é pessoal e o que é coletivo (até porque a separação é somente uma ilusão).

Alguns estão podendo ver essas transformações sem se identificar com elas, pois já abriram mão do controle. 


O sofrimento nasce do controle; o controle é um instrumento do medo; e o medo nasce da falta de fé na existência.”


~ Sri Prem Baba

Entenda o medo da escassez

Entenda o medo da escassez.

Entenda o medo da escassez.

 

O que está por trás do medo da escassez? Essa pergunta pode ser a chave para repensar nossa relação com o Divino e com a avareza.
Um dos aspectos principais do medo é a escassez. O medo é uma matriz bastante complexa que contém muitos agregados psicológicos, e o medo da escassez é um dos seus pilares. Ele gera a insegurança que alimenta a ideia de que você é um eu separado.

Em verdade, o medo da escassez é somente um sintoma que mostra que você não está alinhado com o dharma, com o seu lugar no mundo. Quando existe o alinhamento, o que significa colocar os seus talentos e dons a serviço do amor e do Divino, você não tem medo. Se você tem medo é porque, nesta área da sua vida que é a profissão, o eu inferior ainda está no comando. Ainda existe uma programação karmica que não foi integrada. Tudo indica que ainda existem sentimentos suprimidos e imagens que não permitem que a vida flua nesta área.

Existe outra área, que muitas vezes é consequência da área profissional: a financeira. Elas são áreas diferentes e, às vezes, você até já está no caminho certo e está colocando os seus talentos a serviço do Supremo, mas ainda existem bloqueios na área financeira que te fazem acreditar no medo da escassez.


“Se você tem medo é porque, nesta área da sua vida que é a profissão, o eu inferior ainda está no comando.”


Nesse caso, imagens e sentimentos negados estão impedindo que você se harmonize com o fluxo da prosperidade e da abundância, que também são atributos divinos. Você é um herdeiro das glórias eternas e o tesouro universal é seu, mas, devido a estes bloqueios, você trava o fluxo da prosperidade e experimenta esse sintoma tão amargo e sofrido que é o medo da escassez, que nada mais é do que uma forma de autopunição. Existe um sentimento interno de não merecimento e o medo da escassez é uma forma de se castigar.

Por isso eu digo que, se você investigar, perceberá que esse medo é somente um sintoma da sua separação de Deus. E, dentro desse seu mundo particular, você está tentando se machucar para chamar a atenção de alguém. É uma forma de protesto.

Eu estou falando de algo muito profundo. Neste hiato que se configura, são criadas muitas outras interferências entra elas as interferências sociais, políticas e uma série de outras formas externas. Mas, devemos nos conscientizar da porta que abrimos para que estas influências externas dificultem ainda mais essa nossa tendência. A porta que se abre, é justamente o que eu chamo de isolamento.

É você separado de Deus, sozinho nesse mundo criado a partir dos seus traumas, que faz com que veja o dinheiro como um inimigo ou um perigo. Ou então, você dá ao dinheiro um valor emocional que não tem nada a ver com ele. Isto precisa ser bem compreendido.


“Mas, devemos nos conscientizar da porta que abrimos para que estas influências externas dificultem ainda mais essa nossa tendência.”


O dinheiro é um tremendo poder. Se você o respeita, ele pode facilitar a sua jornada neste plano terreno. Se você não o respeita, ele pode destruí-lo. Respeitá-lo significa dar a ele o seu devido lugar: ele é um instrumento neutro, que deve estar a serviço do amor; a serviço do coração. É necessário investigar se nessa área da sua vida (a área financeira), existe um alinhamento com a corrente de afirmação; se existe um sentimento de merecimento.

Essa corrente de afirmação – esse sim – promove a união com o Divino, dissipa o medo da escassez e toda a sensação de fracasso. A união com o Divino significa deixá-lo atuar através de você, mas para isso acontecer, se faz necessário sair da frente. Se você está na frente, querendo fazer do seu jeito, vale a pena tomar consciência do motivo disso estar acontecendo.

Por que você insiste tanto que as coisas sejam do seu jeito?  Você está brigando com quem? Vá olhar para os seus condicionamentos, liberar os sentimentos guardados, dissolver imagens de dor, acertar as contas do passado… Só fazendo esse mergulho em seu mundo interno será possível sair da frente e deixar Deus agir através de você. Aí não existirá mais medo. Se Deus está aqui e o amor está fluindo do seu coração, não há espaço para o medo.

Outro aspecto importante é que a avareza nasce do medo da escassez.  É o medo que faz com que você tenha que criar uma trincheira para se esconder atrás. Você precisa acumular e possuir para poder se proteger. Você aprendeu que ter dá segurança, mas isso é uma crença. Existe uma imagem congelada no seu sistema que determina isso e é justamente essa crença que impede que a prosperidade e a abundância possam se manifestar no seu canal. A prosperidade é uma frequência divina que, como toda a frequência de energia, precisa circular.

Se você tentar segurar as coisas materiais, é o mesmo que estar segurando maya, a ilusão. Nesse caminho, você passa a vida sustentando a identificação com o falso eu, com a ideia de separação e consequentemente, acaba se frustrando e sofrendo repetidas vezes.

Pode parecer um paradoxo, mas a verdade é que somente quando você se liberta do medo da pobreza é que pode verdadeiramente se afinar com os códigos divinos da prosperidade e da abundância. Assim é. Reflita sobre isso.

Sri Prem Baba

Pérolas de Sri Prem Baba

prem-baba

“A compaixão sempre se manifesta com sabedoria. Certa vez uma lagarta estava no casulo preparando-se para ser uma borboleta. Ela estava quase pronta, mas ainda estava presa. Então passou um homem que ficou com pena dela e resolveu cortar o casulo para libertá-la. Essa lagarta nunca pôde voar pois não havia completado o seu ciclo de transformação. Muitas vezes, o outro ainda precisa sofrer e somente um coração compassivo consegue ser cruel a ponto de ver o seu sofrimento e ainda assim não interferir no seu processo.”

………………………………………..

“O processo de autotransformação é intransferível: você não pode transformar o outro. É possível dar suporte à distância, orando para que ele consiga completar o ciclo. Às vezes é possível chegar perto e dar a mão, mas outras vezes isso pode prejudicar a pessoa porque ela não consegue desenvolver as qualidades necessárias para a sua evolução como autoconfiança, autossuficiência e independência.”

……………………………………………

“Infelizmente, nesse plano é assim: existem dores de crescimento. Mas o sofrimento, na maioria das vezes, traz consigo uma oportunidade. É preciso passar por ele para poder se transformar no que você precisa e pode ser.”

………………………………………………….

“Alimentar a ideia de que tem inimigos é fortalecer o jogo da natureza inferior; é perder-se na ilusão. Por mais que você tenha se deparado com pessoas realmente maldosas no seu caminho, eu afirmo: você está onde se coloca. Você não é uma vítima. É preciso ter coragem para assumir responsabilidade pela sua incapacidade de amar e perdoar. Talvez seja difícil chegar nessa compreensão, mas em algum momento você estará pronto para essa verdade.”

…………………………………………………….

“Para que a paz e a prosperidade se manifestem plenamente em uma sociedade é preciso que o amor real se manifeste nos relacionamentos entre os seus indivíduos.”

…………………………………………………….

“Para que haja amor de verdade nos seus relacionamentos, é preciso estar disposto a ir além do medo da revelação e das idealizações a respeito de como o outro precisa ser. Você precisa abandonar a fantasia de que a sua felicidade depende do outro e de que existe um par perfeito.”

…………………………………………………..

“A iluminação é um fenômeno que só pode ocorrer quando você elimina do seu sistema toda a crueldade, ou seja, quando deixa de machucar o outro e a si mesmo. Essa é a essência, a chave para a ascensão.”

……………………………………………………..

“Você tem conseguido sustentar a presença? Tem estado presente diante da sua família e no seu trabalho? Estando presente, naturalmente a consciência te eleva em direção à ascensão. Mas, se ainda não pode estar presente nas suas relações, não desperdice tempo sonhando com a iluminação.”

…………………………………………………………

“O tempo em que vivemos nos pede que a espiritualidade se manifeste de maneira muito prática e objetiva: nas nossas relações íntimas, na família e no trabalho. Em outras palavras, você não precisa estar na igreja, no monastério ou no templo para ser uma pessoa espiritual, pois é na vida diária que a sua espiritualidade precisa se expressar.”

………………………………………………………….

“Como você está em relação ao seu pai? Quero propor um exercício: Feche os olhos e visualize seu pai. Se preferir, olhe para uma foto dele e procure observar como você se sente em relação a ele. Experimente dizer, de forma sincera: Pai, eu te agradeço por absolutamente tudo. Mas se não for possível agradecê-lo, procure identificar porquê. Esse exercício pode te ajudar a entrar em contato com as suas mágoas e ressentimentos para que possa se mover na direção da compreensão, do perdão e, consequentemente, da gratidão.”

…………………………………………………………..

“A gratidão é um portal para a libertação do sofrimento. É possível conscientemente cultivar a gratidão. Você pode, por exemplo, fazer um exercício: antes de dormir, feche os olhos e fique em silêncio por alguns instantes. Então faça uma retrospectiva do seu dia e identifique as razões que tem para agradecer. Não precisa encontrar muitas, apenas aquelas que naturalmente sente. Identifique as situações nas quais o seu coração naturalmente se abriu, não importa quais sejam. Talvez você se sinta grato pela comida que comeu, pelo cobertor que te abrigou, pela presença de um amigo sincero, pelo carinho do seu pai ou da sua mãe, pelo sorriso de uma criança, pelo brilho do sol… E talvez você possa ir mais além e agradecer pelos desafios, pois eles foram oportunidades de crescimento e transformação.”

……………………………………………………………..

“Krishna representa o eu superior ou eu divino. Ele é a inteligência suprema que conduz o eu consciente para a vitória na batalha contra o eu inferior. Quando abrimos mão dos nossos mecanismos de defesa, das máscaras e de toda a crueldade que nos habita, podemos manifestar a consciência de Krishna, que é outro nome para a consciência amorosa desperta.”

…………………………………………………………..

“Certos lugares dentro de nós são muito desafiadores. Existem núcleos de dor que são como feridas no corpo emocional, que refletem na nossa forma de ver o mundo e de viver a vida na Terra. Essas feridas são permeadas de sentimentos que, às vezes, somos incapazes de lidar. Ao mesmo tempo, esses núcleos são por si mesmos, nossos professores. Eles servem para nos guiar no caminho da autotransformação.”
……………………………………………………………..

“A doença pode ser vista como um caminho de autotransformação. Porém, dependendo da doença ou da ferida, mesmo após a cura, ela deixa cicatrizes no corpo emocional que podem levar bastante tempo para deixar de interferir na sua forma de pensar e de viver a vida.”

…………………………………………………………………

“As cicatrizes emocionais, deixadas por traumas do passado, só deixam de interferir na sua forma de ver o mundo e viver a vida na medida em que você consegue sustentar a presença. A presença é o remédio que neutraliza a interferência dessas cicatrizes. Quanto mais sua consciência pode permanecer no momento presente, mais a Graça divina pode atuar. A Graça vai neutralizando os efeitos negativos dessas marcas antigas.”
………………………………………………………………….

“É muito importante observar e compreender como você é tomado pela necessidade de agradar o outro para ser amado, considerado, respeitado, ao invés de considerar, respeitar, amar. É assim que a sua consciência é rebaixada.”

………………………………………………………………………..

“Eu considero a luxúria uma grande feiticeira. E o ciúme, como é filho dela, não poderia ser outra coisa: é um feiticeiro também. Ele encanta a sua mente para você acreditar que o problema está no outro; que você não tem nada a ver com a história; que é uma pessoa ingênua, vítima de um mau caráter. Às vezes até é verdade, mas quem abriu as portas para isso foi você. Quem tem a chave da sua casa é você – é você que abre a porta.”

Sri Prem Baba

até 20 de agosto de 2017.

 

Propósito – Sri Prem Baba

A imagem pode conter: céu, árvore, atividades ao ar livre e natureza

“O Propósito é um perfume da alma, é intrínseco do ser.

Ele se revela quando você está consciente do ser.

Você deve trabalhar para que o ser se revele, vá se despedindo dos medos, das camadas de ódio, dos pactos de vingança, tratando de se harmonizar com o seus pais, tratando de reparar as suas relações.

A medida que você começa a se revelar vem junto uma tremenda criatividade, uma tremenda inteligência que encontra caminhos para essa realização.

Eu digo que esse momento é abençoado, porque você está aqui para realizar essa aventura, se até agora você não teve a chance de fazer aquilo que você veio fazer, e agora você está tomando consciência disso, louvado seja esse momento.

Momento em que você está tomando consciência das suas insatisfações.”

Sri Prem Baba